Portada » Atualidade » Tendência para comprar carros automáticos a crescer

Tendência para comprar carros automáticos a crescer

Cada vez mais condutores europeus estão a escolher veículos com transmissões automáticas, de acordo com os novos dados de vendas da Ford. Só nos últimos três anos, o número de carros e furgões Ford vendidos com transmissão automática mais do que triplicou de 10.4 por cento em 2017 para 31.3 por cento durante o primeiro mês de 2020.

“Entre os vários benefícios das transmissões automáticas está a possibilidade de usufruir das mais recentes tecnologias de assistência à condução, tornando tudo mais fácil e confortável, desde o acto de estacionar até ao trânsito pára-arranca,” declarou Roelant de Waard, vice presidente, Marketing, Vendas & Serviço, Ford Europa.

“Contamos manter esta tendência pois no futuro mais pessoas vão trocar para veículos eléctricos — estabelecendoas transmissões automáticas como uma norma. ”A Ford oferece transmissões automáticas há quase 70 anos. Mas a sofisticada tecnologia dos dias de hoje está bem distante do pioneiro Ford-O-Matic que oferecia uma caixa de velocidades automática de apenas trê smarchas.

Desde a redução do ruído no habítaculo até ao alívio da má disposição, as transmissões automáticas atuais oferecem vários benefícios. Incluem-se tecnologias facilitadoras que permitem aos condutores,enquanto usam Cruise Control Adaptativo, afastarem-se automaticamente após o tráfego de pára-arranca –ouestacionar apenas com um botão.2

Furgões automáticos em ascensão

Da mesma forma, no que diz respeito a furgões, 31 porcento dos veículos comerciais vendidos em Janeiro tinham transmissões automáticas, comparando com13.4 porcento em 2017. Durante o mesmo mês, 19 por cento dos modelos Transit vendidos foram equipados com transmissões automáticas comparando com 4.7 por cento dos modelos em 2017. Em 2019, nos principais cinco grandes mercados europeus, a maior proporção de veículos Ford vendidos com transmissões automáticas foi na Alemanha, seguida pela França, UK, Espanha e Itália.

Acrescentar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMA EDIÇÃO
Siga-nos no Facebook