Skoda mostra nova geração do Fabia

Skoda Fabia (2021)
Skoda Fabia (2021)

A Skoda revelou hoje as primeira imagens da nova geração do Fabia que se transforma na nova referência em termos de espaço e ergonomia a bordo se o compararmos com a concorrência e com o antecessor.

Disponível a partir do outono, esta quarta geração passa a ser produzida com base na plataforma MQB A0, a mesma de Audi A1, VW Polo e SEAT Ibiza. O novo Fabia tem 4108 mm de comprimento, 1780 mm de largura e 2564 mm de distância entre eixos, o que significa que é 111 mm mais comprido, 48 mm mais largo e com mais 94 mm de distância entre eixos do que antes.

Mais, a bagageira aumentou em 50 litros para um total de 380 litros de capacidade (extensível a 1190 litros com o rebatimento da fila posterior). A nova estrutura possibilitou ainda que o Fabia desse um novo salto tecnológico, quer em termos de sistemas de segurança, assistência à condução, conforto e motorizações.

Por dentro, as mudanças no Fabia são evidentes, colando-se mais ao “irmão” maior Octavia. Destaque para o novo volante (que pode ser aquecido), saídas de ventilação circulares, além de opções inéditas tais como a luz ambiente, ar condicionado bizona e para-brisas aquecido. Destaque ainda para elementos práticos tais como o banco do passageiro da frente rebatível, piso inferior na bagageira, bolsas para telemóveis nas costas dos bancos da frente, tomada USB no espelho retrovisor ou a espátula para raspar gelo junto ao bocal de abastecimento de combustível. Existirão três nível de equipamento à disposição: Active, Ambition e Style.

O leque de motorizações será formado por opções de três cilindros, o 1.0 MPI Evo de 65 e 85 cv (com caixa manual de cinco velocidades) e o 1.0 TSI Evo de 95 cv (manual de cinco) e 110 cv (caixa manual de seis e de dupla embraiagem DSG de sete relações), além de uma opção 1.5 de quatro cilindros de 150 cv (DSG7) – equipado com um sistema de desativação de cilindros.

Publicidade
ÚLTIMA EDIÇÃO
Publicidade
Publicidade