Portada » Atualidade » SEAT intensifica plano de prevenção de possíveis surtos da COVID-19 após o Verão

SEAT intensifica plano de prevenção de possíveis surtos da COVID-19 após o Verão

Esta semana, o Comité Executivo da SEAT aprovou o plano preventivo para garantir a todos os empregados um regresso ao trabalho seguro após as férias de Verão. Com este plano, a empresa pretende proteger a saúde de todos os trabalhadores no caso de uma possível reativação da pandemia da COVID-19 a partir de setembro.

O plano da SEAT prevê a realização de novos testes PCR para a deteção de SARS-CoV-2 nos seus mais de 15.000 empregados durante a última semana de agosto, com especial incidência nos trabalhadores das linhas de produção, trabalhadores de agências de emprego temporário e fornecedores.

Tal como com os testes realizados em abril, os laboratórios aprovados pelo Ministério da Saúde e o Governo da Catalunha analisarão os testes, sem impacto na atividade de saúde pública. A empresa espera testar mais de 90% dos cerca de 8.600 trabalhadores deste grupo na semana anterior ao seu regresso das férias de Verão, a 31 de agosto.

O resto dos trabalhadores não ligados ao fabrico de automóveis serão testados à medida que regressem ao seu trabalho. Num inquérito aos trabalhadores, no qual participaram mais de 5.000 pessoas, 77% mostraram a sua vontade de realizarem um novo PCR e estão dispostos a fazê-lo antes do fim das suas férias.

Por outro lado, a SEAT oferece aos seus empregados a possibilidade de realizarem a vacinação contra a gripe gratuitamente todos os anos na sede da empresa. Nesta ocasião, a campanha de vacinação terá início em setembro, algumas semanas antes do que nos anos anteriores, uma vez que estudos recentes demonstraram que algumas proteínas desta vacina também atuam eficazmente para reduzir os sintomas dos doentes com COVID-19. Quase metade dos participantes no inquérito aos empregados mostraram a sua intenção de tomar a vacina contra a gripe.

Além disso, a empresa manterá o protocolo de saúde específico que estabeleceu quando retomou a atividade após o pico da pandemia em abril, e que até agora tem impedido o contágio dentro das suas instalações. Entre as medidas previstas neste protocolo estão a distribuição de máscaras para utilização ao longo do dia de trabalho, a adaptação dos postos de trabalho para manter uma distância de segurança de um metro e meio, e o controlo da temperatura corporal para todos os trabalhadores que entram nas instalações da empresa.

Além disso, os trabalhadores têm à sua disposição um gel desinfetante e uma App de auto-avaliação sanitária para verificar se não apresentam sintomas compatíveis com a COVID-19 e, caso sejam positivos, para poder comunicá-lo diretamente aos serviços de saúde, que estudam e monitorizam cada um dos possíveis casos de trabalhadores que são positivos para a COVID. A empresa distribuiu material informativo sobre estas medidas, e verifica periodicamente se são corretamente executadas em todos os espaços de trabalho.

Acrescentar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMA EDIÇÃO
Siga-nos no Facebook