Portada » Atualidade » Novo Nissan Qashqai só tem motores a gasolina eletrificados

Novo Nissan Qashqai só tem motores a gasolina eletrificados

A galinha dos ovos de ouro da Nissan, o Qashqai conheceu hoje a sua terceira geração. O SUV que inaugurou o conceito chega com uma nova plataforma, um estilo moderno mas sem romper com o desenho anterior e com apenas dois motores, sendo que nenhum é Diesel.

A aposta faz-se na eletrificação com um motor 1.3 DIG-T a gasolina com tecnologia de 48V e um segundo propulsor e-Power com 190 CV e 280 Nm de binário que só deve chegar ao mercado lá mais para o final do ano.

No verão chega então o 1.3 em versão Premiére Edition e com duas configurações: 140 CV com caixa manual e 160 CV com caixa XTronic, operada através de um novo seletor na consola central.

Voltando ao motor E-Power, encontramos um motor 1.5 litros a gasolina que faz de gerador elétrico, um inversor e um motor elétrico de tração que é alimentado pelo motor de combustão. Ainda assim, o novo Qashqai E-Power roda sempre em modo elétrico. As rodas são sempre acionadas pelo motor elétrico.

O design mantém os princípios orientadores das duas anteriores gerações, mas reinterpretado para voltar a elevar a fasquia no segmento, agora pejado de concorrência. Tecnicamente, o novo Qashqai é o primeiro modelo na Europa a utilizar a plataforma CMF-C, a permitir progressos na dinâmica e no aproveitamento do espaço no interior. O modelo cresce em praticamente todas as direções: mais 21 mm em comprimento, para 4429 mm, 32 mm em largura e 20 mm na distância entre eixos.

A capacidade da mala foi aumentada em mais de 50 litros em comparação com o modelo da geração anterior, fruto da descida em 20 mm do piso de carga.

Acrescentar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMA EDIÇÃO
Siga-nos no Facebook