fbpx

Novo Morgan Super 3 substitui 3 Wheeler

A Morgan apresentou o novo Super 3, modelo que se assume como sucessor do 3 Wheeler. Apesar de seguir o mesmo conceito do modelo lançado em 2012 (que contava com um motor V2 2.0 de motociclo encaixado entre as duas rodas da frente), o novo modelo de três rodas, que tem lançamento previsto para agosto, traz inúmeras novidades.

Primeiramente foi adotado um motor 1.5 de três cilindros aspirado Ecoboost de origem Ford (o mesmo do Fiesta ST, embora sem o turbo) a debitar 118 cv às 6500 rpm e 150 Nm às 4500 rpm nas rodas traseiras acoplado a uma caixa manual de cinco velocidades da Mazda.
Apesar de ser uma caixa idêntica à do 3 Wheeler, esta foi sujeita a várias modificações, surgindo agora ligada a uma correia de transmissão reforçada com fibra de carbono. Com apenas 635 kg, o Super 3 anuncia 0-100 km/h em sete segundos e consegue atingir uma velocidade máxima de 209 km/h.

Com 3,58 metros de comprimento, o novo modelo de dois lugares é 120 mm mais comprido face ao antecessor. Este é o primeiro Morgan com chassis monocoque. A maioria dos painéis da carroçaria são em alumínio. Visualmente, o Super 3 é influenciado pelos aviões a jato antigos.

A suspensão dianteira é independente com triângulos de molas helicoidais (de tipo “push-rod”), com jantes de 20 polegadas que “calçam” pneus Avon Speedmaster especialmente desenvolvidos para este modelo. O Super 3 está disponível em três níveis de equipamento: Adventure Touring, Contemporary e Classic.

O interior, mais espaçoso do que antes, tem um aspeto espartano, embora com alguns elementos modernos tais como um painel de instrumentos digital (uma estreia absoluta), sistema de aquecimento para os pés, coluna de direção regulável em altura e profundidade, além de pedais igualmente ajustáveis. Os bancos estão disponíveis com quatro tipos de acabamento.

Publicidade
ÚLTIMA EDIÇÃO
Publicidade