fbpx

Mercedes-Benz mostra primeiro camião elétrico de produção em série

A Mercedes-Benz revelou o novo eActros, o seu primeiro camião elétrico para atividades pesadas de distribuição. Esta é a primeira tentativa da marca de eletrificar a logística e a indústria europeias com um veículo que é mais pequeno que um camião de 18 rodas, mas grande o suficiente para transportar cargas pesadas.

Conta com dois motores elétricos arrefecidos a água montados no eixo traseiro que produzem em parceria 330 kW (442,5 CV) de potência contínua, ainda que exista uma versão de 400 kW (536 CV).

Estão posicionados atrás em vez de estarem no cento do camião de forma a deixarem mais espaço debaixo do veículo para montar baterias. Estão acoplados a uma caixa de duas velocidades para uma melhor aceleração.

São alimentados por três ou quatro packs de baterias, o que significa que o eActros pode armazenar até 420 kWh de bateria. A autonomia deverá rondar os 400 km. Uma vez vazio, o eActros pode ser carregado até 160 kW e quando está ligado a um ponto de carga de 400A DC, as baterias podem ficar a 80% em apenas uma hora. Tal como acontece nos automóveis ligeiros, o eActros também ganha energia a partir da travagem regenerativa.

O silêncio a bordo é uma constante e a suavidade de condução acaba por dominar o cenário. De forma a ajudar as empresas a mudar para o elétrico, a marca oferece vários serviços integrados e vai ajudá-las a operar com os camiões, planeando infraestruturas e aplicando os melhores custos do mercado.

Graças a uma avançado sistema de infoentertenimento, os condutores são constantemente informados sobre o estado da bateria e da autonomia, bem como da potência disponível.

Este é o primeiro passo da Mercedes-Benz para mudar por completo o panorama das frotas de camiões na Europa e tentar que até 2039 sejam várias as frotas totalmente elétricas das empresas. A produção arranca no dia 1 de outubro deste ano na fábrica de Wörth am Reim.

 

Publicidade
ÚLTIMA EDIÇÃO
Publicidade