Portada » Atualidade » Ford Mustang Mach-e chega a Portugal a partir de 49 900 euros

Ford Mustang Mach-e chega a Portugal a partir de 49 900 euros

A Ford já está a comercializar em Portugal o novo Mustang Mach-e, o SUV elétrico que pretende concorrer com Mercedes-Benz EQC, Audi e-Tron ou BMW iX3.

A chegada das primeiras unidades está agendada para os meses de março ou abril, mas as encomendas estão abertas e já há preços.

O Mustang está disponível com opções de bateria normal e com autonomia alargada e versões de tração traseira e integral.

A versão com bateria de maior capacidade (98,8 kWh) pode ter tração traseira, motor de 269 CV e autonomia de até 610 km. Assim, custa 57 230 euros. Na versão AWD com a mesma bateria e dois motores que debitam em conjunto 351 CV, o Mach-e chega aos 540 km de autonomia e custa 66 600 euros.

Há ainda versões de bateria mais “pequena” com 75,7 kWh e tração total, 269 CV e 400 km de autonomia com um preço de 57 840 euros. Se a versão tiver apenas tração traseira e a bateria mais pequena, a autonomia é de 440 km e o preço de 49 900 euros.

A Ford propõe uma Wallbox, que permite carregar a bateria com o equivalente a uma autonomia média estimada de 62 km por cada hora de carga – no Mustang Mach-E de tração traseira com bateria de maior capacidade.

O cabo de carregamento caseiro Ford, de série, pode adicionar uma autonomia média estimada de 14 km por cada hora de carga, usando-se uma tomada doméstica. Um cabo de carregamento público também faz parte do equipamento do modelo.

Com um pico de potência de carregamento de 150 kW, o Mustang Mach-E com bateria maior e tração traseira poderá percorrer mais 93 km após 10 minutos de carga numa estação DC de carregamento rápido. Estima-se que o Mustang Mach E com bateria de menor capacidade carregará entre 10 a 80 por cento da sua carga em cerca de 38 minutos, numa estação DC de carregamento rápido.

O Mustang Mach-E conta com três modos de condução exclusivos – Active, Whisper (Sussurro) e Untamed (Indomável) – cada um traduzindo uma dinâmica de condução específica.

Acrescentar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMA EDIÇÃO
Siga-nos no Facebook