Portada » Atualidade » Centro de produção PSA em Mangualde retoma atividade a 6 de maio

Centro de produção PSA em Mangualde retoma atividade a 6 de maio

Desde o início da crise sanitária originada pela COVID-19, a prioridade do Grupo PSA tem sido proteger a saúde dos seus colaboradores e preservar a sustentabilidade da empresa.


Durante o período de interrupção das suas atividades industriais, o Grupo PSA implementou um protocolo de medidas sanitárias reforçadas (1), adaptadas ao contexto de cada instalação industrial, comercial, de serviços e de Investigação & Desenvolvimento (R&D).

Construído com o apoio dos serviços médicos, este protocolo foi enriquecido com a contribuição dos representantes dos Trabalhadores e foi sistematicamente auditado. Além disso, “Responsáveis pela implementação do protocolo” terão a missão diária de verificar in loco a aplicação das medidas e ações de proteção, bem como a de colocar em prática as ações corretivas, se necessário.

O reinício gradual e seguro da produção nas fábricas do Grupo ocorrerá nas próximas semanas, com uma primeira fase de reaberturas parciais da atividade industrial, entre 4 e 11 de maio (a partir de 11 de maio em França), tendo em conta o contexto comercial (desconfinamento, reabertura dos concessionários e situação comercial de cada modelo) e a normalização progressiva dos fluxos de fornecimento de componentes.

Com este arranque progressivo e responsável, o Grupo não compromete a proteção dos seus trabalhadores e dos clientes, assegurando a sustentabilidade da empresa.

Medidas implementadas
Uso, sempre que possível, de transporte individual. Em caso de partilha, fornecimento de máscaras e regra de lotação pré-definida (colocação escalonada na parte de trás do veículo).
Medição de temperatura à entrada da fábrica, além da automonitorização de sintomas
Fornecimento individual de máscaras e gel alcoólico
Uso de óculos e máscaras na fábrica
Respeito pela distância entre as pessoas em todos os espaços, incluindo áreas de descanso, áreas para fumadores com marcas no chão
Manter as portas abertas (exceto portas corta-fogo) para evitar o contacto com os puxadores ou alavancas
Limpeza frequente de ferramentas e superfícies de trabalho
Tempo de espera durante qualquer troca de peças não preparadas no ambiente PSA
Ajuste da rotação nas trocas de equipas para evitar cruzamento dos trabalhadores

Acrescentar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMA EDIÇÃO
Siga-nos no Facebook